Rondônia,15/04/2021
Outras

Festival de motores e rabetas movimentou Ji-Paraná

Uma grande movimentação para os ribeirinhos e pescadores, com o 14º Festival de motores e rabetas ,  realizado as  margens  do Rio Machado em  Ji-Paraná.

O evento cercado de grandes emoções e adrenalina, teve inicio às 9Hs. da manhã e seguiu por  todo  o dia,  nas  proximidades da  ponte. O Festival é promovido pela Colônia dos Pescadores Z9, com o apoio da Secretaria de  Desenvolvimento da  Amazônia,  a SEDAM  e  empresários  da  região. Participaram das competições canoas com motores rabetas de 5,5HP, 6,5HP e 9HP; canoas com motores de popa de 15HP e canoas a remo.

Segundo Claudio Duarte da SEDAM, a cada ano o número de participantes  e público em geral vem aumentando. Ele e os colaboradores trabalham e se esforçam para aprimorar a organização e este ano a festa foi ainda melhor.

Para o pescador Candido Gonçalves, o evento é uma confraternização dos pescadores, que se unem  uma vez  por  ano,  para  uma brincadeira com os  familiares  e  com a população.

Durante todo o evento não foi registrado nenhuma eventualidade, já que uma das prioridades da  organização é a segurança com equipe de apoio e  Corpo de Bombeiros  presente em toda a  competição, com uma  guarnição  acompanhando toda  a movimentação.

Um dia de  sol e  família reunida em busca de  laser, fazendo da  corrida de motores e rabetas  a principal  opção para  os pioneiros de  Ji-paraná  e  região, que lotaram  as margens do Rio Machado. As pessoas aproveitaram para assistir e se tornar um espetáculo a parte se refrescando nas águas do Machadão. De acordo com o presidente da Colônia dos Pescadores, Manoel Batista, uma das maiores preocupações, era o nível do rio, que ainda muito baixo para  época do ano, com pedras  a mostra, podendo ocasionar  acidentes e exigindo mais  da experiência  dos pilotos.

Apesar da grande movimentação de pessoas e atividades que aconteciam na cidade, em  comemoração  aos  38 anos  de 

emancipação política  e  administrativa  de Ji-paraná, os  organizadores  observaram a ausência  de  gestores públicos.

A coordenação avalia como positiva a  14º edição do festival de motores e rabetas, ressaltando que o evento não é restrito  aos  pescadores  e ribeirinhos, podendo todos participarem da  competição, bastando apresentar  a documentação exigida pela Marinha do Brasil.

Natalino Junior

Jornalista DRT/1429

Mostrar mais

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close