Rondônia,15/04/2021
Outras

Mais países confirmam presença na quinta edição da Rondônia Rural Show

Representações de países europeus e da América Central que fazem comércio com o Brasil afirmaram ao vice-governador Daniel Pereira, que pretendem levar comitivas para conhecer a 5ª Rondônia Rural entre os dias 25 e 28 de maio, em Ji-Paraná.

Na embaixada de Belarus, a audiência durou mais de uma hora, e o embaixador, Leonid Krupets, assegurou que o país europeu busca parcerias no Brasil. Segundo ele, pouco se sabe sobre o Estado de Rondônia e o convite para ir à Ji-paraná no próximo mês pode iniciar uma aproximação comercial de interesse mútuo.

Belarus, na época em que fazia parte da extinta União Soviética, recebeu investimentos maciços na indústria. Com a desintegração do bloco socialista em 1991, o país manteve a sua indústria forte, avançou na tecnologia de ponta e com aproximadamente 10 milhões de habitantes, o pais hoje busca parceiros na América do Sul.

Para Daniel Pereira, Rondônia tem muitos setores do Estado a industrializar, e a aproximação comercial com outras nacionalidades pode gerar fontes de oportunidades. “Belarus é um grande produtor de potássio, e o potássio é um produto que entra na composição de fertilizantes, então a gente pode discutir com eles, a compra da carne de Rondônia e traríamos o potássio, por exemplo para as empresas que trabalham com fertilizantes. Já avançamos bastante numa parceria com Mato Grosso, mas nós queremos ser auto-suficiente em processamento de fertilizantes e Belarus nos permite isso”, enfatizou Pereira.

POLÔNIA

 

Outro país europeu que também garantiu presença na Rondônia Rural Show deste ano foi a Polônia. O embaixador Andrzej Braiter e secretária  de assuntos econômicos da embaixada, Anna Jósefowiccz, se comprometeram em levar uma comitiva de empresários daquele país para visitar a feira em Ji-Paraná. Na ocasião, eles entregaram uma bandeira polonesa ao vice-governador e ao senador Acir Gurcaz, pois haverá um hasteamento da bandeira de todos os países presentes na solenidade de abertura da feira.

A Polônia possui aproximadamente 40 milhões de habitantes, e sua população aprecia a carne suína. Para Daniel Pereira, é um mercado novo que se pode entrar. “Nós já trabalhamos focados para vender para o mercado polonês. A Rima, que é uma empresa de Rondônia, fez recentemente aquisições de duas aeronaves da empresa Sirkov, que é polonesa, e numa boa articulação nós poderemos ter uma oficina de manutenção dessas aeronaves para toda a América do Sul instalada em Porto Velho. Então são várias oportunidade de negócios que a gente vai construindo”, explicou.

PANAMÁ

O embaixador do Panamá no Brasil, Edwin Emilio Vergara, também recebeu o vice-governador e confirmou a ida em Ji-Paraná no próximo mês.  Daniel Pereira estava acompanhado do deputado federal Lindomar Garçon.

De acordo com Pereira, o governo de Rondônia quer internacionalizar o aeroporto de Porto Velho, e busca companhias aéreas para essa parceria. “É uma demanda que estamos trabalhando. Poderemos através do aeroporto Jorge Teixeira, em Porto Velho, e Eduardo Gomes, em Manaus, ter acesso às viagens internacionais, não só para os Estados Unidos e Canadá, como para todo o mundo através da UMA empresa panamenha, por exemplo”.

Para Daniel Pereira, são várias oportunidades que vão se abrindo a partir do momento que se interage com as representações internacionais que estão no Brasil, e que o Governo do Estado está trabalhando para levá-las para a Rondônia Rural Show no intuito de fazer negócios com empresários rondonienses.

 

Texto: Zózimo Macêdo
Fotos: Alex Nunes
Secom – Governo de Rondônia

Mostrar mais

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close