Rondônia,22/07/2019
AgronegócioDESTAQUESGeralOutrasPisciculturaVídeos

Premiado: Queijo produzido em Colorado é certificado entre os melhores do Brasil

O produtor Flavio também mencionou o apoio do SEBRAE, “este que vem contribuindo de forma importante em conhecimentos de mercado e empreendedorismo

Motivo de orgulho, a Agroindústria Vitorino colocou o nome de Rondônia, em especial de Colorado do Oeste no topo do cenário nacional na produção de queijos, participando e sendo premiado no IV Prêmio Queijo Brasil, realizada em São Paulo, no Memorial da América Latina.

Prêmio Queijo Brasil é a maior Premiação de Queijos Artesanais Brasileiros. A primeira edição foi realizada em 2014 com 136 queijos inscritos. A segunda edição, em 2016, foram 234 e na Terceira Edição em 2017, foram mais de 363 queijos inscritos de todo país representando a micro e pequena produção artesanal de laticínios. Em 2018 tivemos um número ainda maior, alcançamos mais de 479 queijos.

A COMERQUEIJO foi idealizada em fevereiro de 2017 e constituída por 20 comerciantes de todo país que se dedicam ao comércio, exclusivo ou não, de queijos artesanais brasileiros e que viam a necessidade de debater as questões que envolvem o Queijo Artesanal Brasileiro, fortalecer a cadeia comercial deste produto e criar um elo ainda mais coeso entre produtor e comerciante.

Localizada na Rua Roraima, setor Chacareiro, aos fundos do Aeroporto, a Agroindústria Vitorino, propriedade de Flávio Vitorino e sua esposa Celíria Vitorino, recebeu a medalha de Bronze pela produção do Queijo Minas Padrão, um dos “carros chefes” da Agroindústria, que também produz o Minas Frescal, Coalho, Coalho Condimentado, Leite Pasteurizado e o Iogurte.

Hoje o empreendimento compra leite de 11 fornecedores, com uma média de 750 litros/dia, gerando renda para outros produtores da região. Com uma clientela consolidada, e conquistando novos consumidores a cada.

O produtor Flávio lembrou de quando tudo começou, no ano de 2011, com uma produção ainda pequena e praticamente toda manual. “Na época iniciamos com poucos equipamentos e muita vontade, através do PROVE, programa de incentivo implantado pela gestão municipal da época, e aos poucos aumentamos nossa produção, contando hoje com vários equipamentos automatizados, veículo específico para entrega”.

Flavio também mencionou o apoio do SEBRAE, “este que vem contribuindo de forma importante em conhecimentos de mercado e empreendedorismo, além de órgãos como Prefeitura, tanto de gestões passadas e a atual, Governo do Estado e a todos nossos consumidores que valorizam uma marca de Colorado do Oeste”.

Por Conesul Acontece

 

Compartilhar
Mostrar mais

Notícias relacionadas

Close