Rondônia,18/08/2019
AgronegócioBrasilDESTAQUES

Pequenas propriedades aprimoram suas aptidões na produção de leite

Atuação do Sebrae no apoio tecnológico

Em visita ao Sebrae, o presidente do Tribunal de Justiça do Estado de Rondônia, Exmo. Sr. Desembargador Walter Waltemberg, reuniu-se com o diretor superintendente do Sebrae em Rondônia para dar início a um trabalho de conscientização quanto à necessidade de aprimoramento na qualidade do leite. Dr. Walter é pequeno produtor de leite e o faz dentro dos melhores padrões de qualidade com uma linha de ordenha mecanizada, resfriamento, beneficiamento, industrialização, envase, armazenamento e expedição com tecnologia de ponta. O diretor Daniel Pereira apresentou as alternativas de consultoria tecnológica com oSebraetec, programa de orientações especializadas e customizadas para programar soluções em sete áreas de aperfeiçoamento (design, produtividade, propriedade intelectual, qualidade, inovação, sustentabilidade tecnologia da informação e comunicação). O programa subsidia até 80% dos custos do projeto.

Como empresário da agroindústria, Dr. Walter manifestou interesse em receber as orientações do Sebrae, lembrou ainda que a qualidade do leite está em ressonância com a saúde do gado leiteiro com boa alimentação, melhores pastagens e para garantir produtividade precisa-se investir no melhoramento genético do rebanho. Citou exemplos de outros pequenos produtores, que com tecnologia conseguem manter seu gado saudável, para fornecer leite livre de infecção pelos procedimentos realizados imediatamente após a ordenha.

Tais procedimentos de desinfecção têm por função reduzir infecções causadas por microrganismos ambientais. Quando esses cuidados não são tomados há um significativo aumento dos casos de mastite bovina, que é um processo inflamatório que atinge a glândula mamária das vacas, é contagioso e se espalha facilmente no rebanho. Presente na reunião, o presidente do Sescoop/RO e conselheiro do Sebrae, Salatiel Rodrigues, também manifestou preocupação com esses cuidados, vez que a produção de leite é fonte de renda para os produtores rurais que integram o sistema de cooperativas em Rondônia.

O diretor Daniel não perdeu a oportunidade em demonstrar outras prioridades do Sebrae em Rondônia, dentre elas a proposta de levar a educação empreendedora para as escolas do estado. O Sebrae, como parceiro do Movimento Rondônia pela Educação – MRPE, elaborou o Planejamento Estratégico do MRPE com o objetivo de contribuir para a melhoria da qualidade da educação de Rondônia.

Um desses objetivos é “Aperfeiçoar e inovar as práticas pedagógicas no interior das escolas.” como forma de melhorar a proficiência dos alunos, medido pelo Índice de Desenvolvimento da Educação Básica – Ideb. Para isso, está buscando parcerias para levar aos alunos do 5º ano do Ensino Fundamental apostilas voltadas para o aprendizado de matemática e português. A expectativa é que se consiga elevar o Ideb do estado no curto prazo. O Desembargador considerou a iniciativa importante e demonstrou estar interessado em apoiar propostas dessa natureza.

Por: Sebrae

Compartilhar
Mostrar mais

Notícias relacionadas

Close