Rondônia,15/04/2021
BrasilDESTAQUESGeralOutrasPecuária

Posso castrar bezerro ao nascimento utilizando a borrachinha?

O veterinário revelou o objetivo do sistema de produção.

O telespectador Ozias Almeida enviou sua dúvida por e-mail sobre castração de gado de corte. Ele disse que gostaria de receber mais informações sobre como proceder para a castração com a borrachinha. A pergunta foi enviada depois dele acessar alguns dos conteúdos sobre o Programa Touro Zero.

O esclarecimento veio do próprio idealizador do Programa Touro Zero, o médico veterinário e consultor Ademir Ribeiro, da Estância Espora de Prata, em Ariquemes -RO. No sistema criado por ele, os animais são castrados ao nascimento (confira mais informações nas páginas listadas a seguir).

“O Programa Touro Zero é feito 100% com IATF, a inseminação artificial em tempo fixo. Ou seja, nós não usamos touro. Nós fazemos uma inseminação na estação de monta de primavera-verão, que vai de setembro a janeiro, são quatro ou cinco inseminações, e fazemos uma estação no outono, que é maio e junho. Nós só produzimos cruzamento industrial. Você pode produzir qualquer tipo de cruzamento industrial”, explicou.

O veterinário revelou o objetivo do sistema de produção. “A ideia é produzir a carne premium, a carne nobre. Nós sabemos que o Brasil só produz 2% de carne premium, são 200 mil toneladas deste produto dentro de tudo que é produzido. Então existe um nicho de mercado fantástico e as grandes indústrias de carne, como o Friboi, que tem o Protocolo 1953, compram o produto de cruzamento industrial acabado e gordo, só que tem que ser castrado. E aí nós castramos no canivete e também com a borrachinha. Veja no exemplo de um cliente nosso, que também está trabalhando com o Programa Touro Zero, a castração aqui na região de Extrema, distrito de Porto Velho em Rondônia”, ilustrou.

Pelo vídeo abaixo é possível ver o exemplo prático da aplicação da borrachinha para a castração de bezerros. “Estou fazendo a castração com anéis de borrachinha, o mesmo sistema usado em carneiros, no bezerro recém-nascido. Você confere se os testículos desceram e, com 15 dias no máximo, isso já cai”, disse o profissional no exemplo em vídeo.

“Tem um alicate e a borrachinha. Você compra isso no mercado e coloca de forma que você tenha certeza que os dois testículos passaram por dentro, aí você solta a borrachinha. Ela vai elastrar a pele, vai elastrar todos os nervos, todos os vasos (sanguíneos) e o cordão espermático. O bezerro vai ficar incomodado ali umas três ou quatro horas, vai balançar a cabeça, porque é um corpo estranho apertando. Mas de 20 dias para frente, vai cair todo o testículo e vai ficar cicatrizado. É menos traumático (do que a castração cirúrgica no canivete), é limpo e fácil de ser utilizado”, observou.

“Então pode castrar, sim, com a borrachinha, como pode fazer também o sistema cirúrgico no canivete. O importante é que você castre o seu bezerro, dê condições, trate bem ele e venda uma carne premium. O mercado está aí para absorver tudo isso com qualidade. Vamos ganhar bônus”, incentivou o veterinário Ademir Ribeiro.

Confira no vídeo a seguir as dicas sobre castração de bezerros com anel de borracha:

Mostrar mais

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close